Santos – Homem tenta abusar de uma menina e 9 anos em edifício

Crime ocorreu na última quarta-feira, quando a criança e uma vizinha brincavam em um prédio na Aparecida

A investida de um homem contra uma menina de 9 anos em um prédio da Rua Alexandre Martins, na Aparecida, é investigada pela equipe da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Santos.

Registrado como tentativa de estupro de vulnerável, porque a vítima é menor de 14 anos, o caso aconteceu no início da noite de quarta-feira (15), mas só foi comunicado à DDM no dia seguinte.

Aparentando entre 28 e 30 anos, o desconhecido tem olhos claros, é alto e forte, possui cabelo raspado nas laterais, usa aparelho ortodôntico e ostenta uma tatuagem no braço direito, cujo desenho não foi visualizado.

A vítima e outras crianças residentes no edifício, que possui cinco blocos, brincavam no térreo. De repente, o desconhecido se aproximou delas e começou a brincar.

Adultos passaram naquele momento por ali e não desconfiaram de nada. Sem ter a presença questionada por ninguém, o estranho sugeriu que as meninas entrassem, uma de cada vez, no saguão de um dos blocos para “medi-las”.

O próprio desconhecido escalou a garota de 9 anos para ser a primeira e ela o acompanhou até as imediações da escadaria. Nesse local, o homem mandou a menina se agachar de costas para ele e, com um gesto rápido, abaixou o short dela.

Algo mais grave não aconteceu porque outra garota entrou no saguão naquele instante. Tanto o homem quanto a vítima se assustaram. O desconhecido disse “sai daqui” para a outra criança, mas quem fugiu na realidade foi ele. A menina de 9 anos, por sua vez, também correu junto com a vizinha.

Investigação

 

Imagens de câmeras de segurança do prédio são as principais pistas para identificar o homem que tentou abusar da menina. Elas foram compartilhadas pela delegada Deborah Perez Lázaro, titular da DDM, com o delegado Jorge Álvaro Gonçalves Cruz, do 3º DP de Santos. “Pelo tipo de crime, a atribuição da investigação é da DDM, mas nós estamos dando apoio, porque o caso aconteceu em nossa área”, disse o delegado Cruz.

Segundo ele e a colega Deborah Lázaro, as imagens apresentam qualidade razoável e as características físicas do acusado não são tão comuns. “Isso deve facilitar a identificação”, acrescentou Cruz.

Conforme a gravação, o homem se aproveita do momento em que o portão eletrônico da garagem é acionado e um carro ingressa no condomínio para também entrar no edifício.

Depois, outra câmera mostra o desconhecido na área comum de um dos blocos. Às vezes, ele supostamente fala ao celular para não despertar suspeitas de moradores que passam por ele.

No saguão onde ele abaixou o short da vítima não há câmeras. Porém, depois dessa investida, outro equipamento mostra o homem pulando o muro frontal do prédio para fugir.

Qualquer informação que possa auxiliar a Polícia Civil na identificação do maníaco pode ser passada de forma anônima à DDM (3235-4222) ou ao 3º DP (3261-3000).

Fonte: tribuna

Deixe Seu Comentário !

Comentários



Parabéns por ser visitante do Uola. Nosso intuito é informar com o melhor conteúdo todos os assuntos que nosso leitor realmente deseja ler, por isso, sua sugestão para pautas será sempre bem vinda.