Um homem foi decapitado na França após ataque terrorista

Seis meses depois, o território francês volta a ser alvo de um atentado terrorista.

Quando ainda se chora a morte de 17 pessoas em janeiro, esta sexta-feira há mais uma vítima mortal a lamentar, de acordo com as primeiras informações.

Segundo o Le Monde, dois homens, envergando bandeiras do Estado Islâmico, entraram na fábrica Air Products de Saint Quentin-Fallavier (local onde se armazena gás e produtos tóxicos) localizada em Isèr, em Grenoble.

Os dois suspeitos invadiram as instalações de carro e atiraram várias bombas para o local, o que deu origem a várias explosões.

O jornal francês refere que as explosões causaram, pelo menos, 10 feridos. A única vítima mortal que foi encontrada até agora – o ataque ocorreu cerca das 10h00 locais – estava decapitada. A cabeça encontrava-se pendurada no gradeamento da fábrica.

Outra publicação francesa, desta feita o Le Fígaro, avança com a informação de que foi detido um suspeito do ataque e que este já era conhecido dos serviços secretos franceses.

A caminho do local está a seção de antiterrorismo da polícia francesa

Deixe Seu Comentário !

Comentários



Parabéns por ser visitante do Uola. Nosso intuito é informar com o melhor conteúdo todos os assuntos que nosso leitor realmente deseja ler, por isso, sua sugestão para pautas será sempre bem vinda.