Como viver de renda? Saiba passos importantes

Julio Cesar Hintemann Filho
Julio Cesar Hintemann Filho

Viver de renda é a expectativa de muitos, mas para tirar esses planos do papel é necessário assumir alguns encargos, como fazer renda extra e poupar mais. O empresário Julio Cesar Hintemann Filho, grande conhecedor do mercado de finanças, a convite de nossa redação, dá dicas importantes para quem deseja, de fato, viver de renda. Por isso, se você é uma dessas pessoas, saiba que este artigo é para você.

Viver de renda é simplesmente o ato do dinheiro trabalhar para si, isto é, você realiza um investimento e esse investimento traz rendimentos, dividendos como é comumente chamado. Desse modo, realizando investimentos em bons ativos, é possível viver de renda de maneira sólida e exponencial.

Julio Cesar Hintemann Filho

Há duas maneiras usuais de investir o seu dinheiro: investimentos em ativos de renda fixa e ativos em renda variável, em que quanto maior for o grau de risco, maior as chances de ganhos, assim como perdas. Portanto, antes de iniciar as dicas, Julio Cesar Hintemann Filho ressalta a importância de conhecer a fundo o funcionamento do mercado financeiro. 

Desse modo, o empresário Julio Cesar Hintemann Filho afirma que antes de investir e gerar renda passiva, antes é preciso cuidar do seu dinheiro, para realizar transações assertivas, diminuindo as chances de risco. O empresário fala que muitas pessoas, na ânsia e ganância de ganharem mais dinheiro, acabam se envolvendo em ativos infundados, pirâmides de dine

hiro e mais a fim de alcançarem seus objetivos. 

Dessa maneira, é imprescindível divulgar o trabalho de educação financeira e sua importância para as gerações atuais e futuras, prevenindo golpes e perdas significativas de dinheiro. Portanto, para viver de renda, a primeira dica de Julio Cesar Hintemann Filho é estudar a fundo sobre o mercado financeiro, pois é apenas dessa maneira que você conseguirá realizar boas tomadas de decisões com o seu dinheiro. 

Organize suas finanças

Este primeiro passo já foi citado anteriormente, o conceito é o mesmo: é necessário ter educação financeira e, nesse ponto, você já saberá que é preciso organizar as finanças, elaborar uma planilha de gastos, entradas e saídas, poupar mais do que ganha, cortar itens supérfluos da sua lista de compras e custos e mais. 

Além disso, na hora de analisar investimentos e aplicações, o empresário Julio Cesar Hintemann Filho ressalta a importância de levar a inflação em conta, isso porque a inflação diminui o nosso poder de compra, por isso, realizar análises de conjecturas a partir de dados históricos e estáticas que já possuímos é essencial. Desse modo, o ideal é procurar investimentos em que o retorno esperado seja superior à inflação.

Escolhendo os ativos

Títulos do Tesouro Direto, Fundos Imobiliários Ações que pagam bons dividendos e até maiores riscos a fim de obter lucro para compor seu patrimônio. As possibilidades são infinitas, mas elas entram em um filtro quando se sabe o objetivo, o tempo e o risco a ser assumido, conclui o empresário Julio Cesar Hintemann Filho.