Pequeno empreendedor: conheça erros que podem levar à falência de seu negócio

Julio Cesar Hintemann Filho
Julio Cesar Hintemann Filho

O sonho de ter o próprio negócio pode mover muitas paixões e muitas pessoas. Contudo, é necessário além de vontade, perspicácia e conhecimento para não cair em erros graves. Desse modo, o empresário Julio Cesar Hintemann Filho explica que buscando o aprendizado e, sobretudo, aprendendo com os erros de quem já trilhou uma carreira de sucesso, é possível empreender sem maiores sufocos, com resultados satisfatórios. Por isso, saiba os erros que todo pequeno empreendedor precisa evitar, para o bem de seu negócio. 

De fato, adversidades ocorrem e nenhum negócio está imune disso. Contudo, o empresário  Julio Cesar Hintemann Filho volta a ressaltar que, em face do aprofundamento teórico, buscar em biografias e cases de sucesso, é possível elaborar uma boa bagagem para seu empreendimento dar super certo. Dessa maneira, leve esse texto como uma fonte de conhecimento prático e objetivo. Leia mais. 

Não pivotar uma ideia ou produto e não ter um produto no mercado

O primeiro erro grave para o pequeno empreendedor, segundo o empresário Julio Cesar Hintemann Filho, é de não ter um produto no mercado, pois dessa maneira, sua empresa torna-se mais do mesmo, sem um grande diferencial competitivo e, por ser uma marca recente, as chances de gerar um forte impacto, buzzmarketing e ascensão exponencial diminuem. Além disso, não fazer testes também é considerado um tiro no pé, pois é necessário saber se aquele produto será bem aceito ou não pelo mercado consumidor. Desse modo, invista em pesquisas, buyer persona, linguagem atual e adequada para com seu público alvo etc. 

Estagnar e paralisar diante de um fracasso 

Julio Cesar Hintemann Filho diz que uma das maiores virtudes que um empreendedor, essencialmente, precisa ter é a resiliência. Isso porque nem sempre as ações e projetos, por mais calculados que sejam, vão realmente dar certo. No mundo dos negócios e, sobretudo, em empreendedorismo, vendas e afins, as mudanças da sociedade, do mercado, da conjuntura política, econômica etc são rápidas e voláteis, por isso, é necessário que o empreendedor assuma tomadas de decisões rápidas para reverter esse cenário. É o que o empresário Julio Cesar Hintemann Filho e outros empresários chamam de tempestividade, isto é, tomar decisões no momento oportuno e adequado. 

Não investir em uma equipe especializada 

Hoje há um processo de mudança em pequenas e grandes empresas, chamado juniorização. Trata-se de cargos que exigem mais experiência depositados em jovens -e daí o termo- com conhecimento técnico, porém, com uma bagagem curta para assumir cargos seniores. Se por um lado o senso de arrojamento e criatividade são benefícios para a empresa, por outro, essa dinâmica pode acarretar em erros que, com experiência e arcabouço, certamente, não ocorreriam. Dessa maneira, o empresário Julio Cesar Hintemann Filho indica investir em uma equipe técnica e especializada, ao passo que dá oportunidades para novos talentos compor o time de sua empresa.